Mail: saocarlosaquiagora@saocarlosaquiagora.com.br



Publicado em 21/Janeiro/2020

Regina Duarte aceita secretaria de Cultura, mas tem oposição dos seguidores de Olavo de Carvalho

Após reunião com o presidente Jair Bolsonaro, a atriz Regina Duarte aceitou, ontem, ocupar o cargo de secretária de Cultura do governo a partir de hoje. “Nós vamos noivar”, ela disse, “vou lá conhecer onde vou habitar, com quem que vou conviver, quais são os guarda-chuvas que abrigam a pasta, enfim, a família. Noivo, noivinho”, seguiu. Seu objetivo é pacificar a relação do governo com a classe artística mas, ela diz, este é um período de testes para ver se consegue se adaptar. “Sou apoiadora deste governo desde sempre e defendo a classe artística desde os 14 anos”, falou a Mônica Bergamo. A atriz foi convidada por Jair Bolsonaro para comandar a pasta após a demissão de Roberto Alvim, que divulgou um vídeo citando o ministro da propaganda nazista Joseph Goebbels. A atriz não deixou claro se haverá nomeação oficial durante esse período de testes e não quis confirmar se colocou condições para aceitar o cargo. Bolsonaro decidiu, por enquanto, não recriar o ministério da Cultura. (Folha)

Se Regina ficar, terá trabalho. A ala olavista do governo não a quer. De acordo com Guilherme Amado, desconfiam de que ela não vai implementar a revolução cultural à extrema-direita que consideram necessária. (Época)

Enquanto iss… Ainda em busca de explicação para a inserção das frases de Goebbels, Roberto Alvim tem nova teoria. Diz desconfiar de ação satânica. (Globo)

Comentários


Gerenciador de banners
Gerenciador de banners

Cadastre-se

E Receba Nosso Boletim Semanal de Notícias

Digital Newsletter
Nome: Email: